Como proteger a sua conta do WhatsApp para não ser invadida

Cada vez mais os usuários na internet sofrem por ter as suas contas invadidas. No caso do WhatsApp, alguns descuidos na hora de usar o aplicativo pode facilitar a invasão.

Durante a campanha presidencial desse ano, muitas pessoas entre elas jornalistas e políticos, tiveram as suas contas hackeadas, fazendo com que a Polícia Federal iniciasse uma investigação para descobrir os autores da ação.

Mas muitas pessoas ainda se perguntam: É possível invadir uma conta de WhatsApp? Sim, é possível! Por isso separamos algumas dicas do Hacker e Especialista da Informação Igor Rincon, para evitar que isso aconteça. Ele também explica como os invasores agem:

Troca de número do WhatsApp: Nesse caso é enviado via SMS um código que aparece na tela do celular como uma notificação. Caso o invasor tenha acesso físico ao celular da vítima, ele pode pegar a sequência numérica e entrar na conta.

WhatsApp Web: Se uma pessoa tiver acesso ao celular desbloqueado, ela consegue habilitar o WhatsApp Web em outro computador e, com isso, abrir as conversas e os históricos sem alertar o dono da conta.

Programa Malicioso: A pessoa pode instalar um programa no aparelho. Se for o caso de um malware, é possível acessar as fotos do celular e outras informações privadas que estão salvas fora do WhatsApp.

Existem também golpes sofisticados que podem roubar registros do WhatsApp e até clonar o chip da vítima.

Como se proteger

O WhatsApp oferece um recurso de segurança com verificação que pode ser habilitado em duas etapas. Toda vez que o aplicativo for ativado em outro celular, ele vai pedir um código de seis dígitos.

Também é possível mudar as configurações para não exibir notificações do app na tela do celular.

Não clique em promoções enviadas pelo aplicativo e instale um antivírus.

Fonte: Portal R7

iPhone XR já chegou nos EUA com o valor mais barato da linha atual

A Apple já começou a vender o novo iPhone XR nos Estados Unidos e também na China. Da atual linha da empresa, essa é a versão mais barata com o preço de U$$ 749.

Esse novo modelo de iPhone foi apresentado em setembro do ano passado e ainda não há informações sobre quando o XR chegará no Brasil, mas a Apple já adiantou que por aqui ele vai ser vendido a partir de R$ 5.199.

Sobre o XR

O aparelho é feito em alumínio aeroespacial, tem uma tela de 6,1 polegadas e está disponível nas cores branca, preta, amarela, vermelha, azul e coral. O XR tem o display LCD mais avançado da indústria, com um novo design de retroiluminação que possibilita ampliar a tela até a borda. A parte de trás em vidro permite recarregar sem fio. O aparelho conta ainda com Face ID Avançado e um sistema de câmera inovador.

Essa nova linha chega para substituir o iPhone 8, iPhone X e iPhone 8 Plus.

Os fãs da marca aguardam ansiosos pelo lançamento no Brasil!

Facebook lança ferramenta para marketing de influenciadores

O Brand Collabs Manager é a mais recente ferramenta do Facebook para alimentar o marketing de influenciadores digitais.

A plataforma ajuda a conectar marcas com criadores de conteúdo relevantes para seu público, permitindo encontrá-los através de fatores como idade, interesses, gênero, etc.   

Estes influenciadores possuem contas que podem chegar a oito milhões de seguidores, tendo suas informações disponíveis no sistema – o que facilita o encontro entre marca e influenciador.

O lançamento do Brand Collabs Manager no Facebook enfatiza o quão significante o marketing de influenciadores está se tornando. A vertente ganha espaço como um importante aspecto em qualquer estratégia de marketing digital.

O acesso ao Brand Collabs Manager ainda é limitado, porém a ferramenta estará disponível para todos os usuários em breve.

Caso você seja profissional de marketing, patrocinador ou tenha uma marca, pode se candidatar através do link.

Twitter testa novas funcionalidades

Visando promover mais interação e facilitar as conversas entre os usuários, Jack Dorsey, CEO do Twitter, anunciou no último dia 31 que a plataforma está testando novas funcionalidades chamadas de “responder thread” e “presença”.  

As ferramentas funcionarão da seguinte maneira: “responder thread” possibilitará que as respostas apareçam recuadas logo abaixo do tweet original, enquanto o modo “presença” indicará se o usuário está online na plataforma por meio de uma bolinha verde na imagem de perfil.  

Em seu perfil oficial no Twitter, Sara Haider, diretora de produto da empresa, publicou que as funcionalidades ainda estão em fase inicial de testes, e que a divulgação das informações foi feita apenas com o intuito de analisar as opiniões dos usuários da plataforma.

Sem data prevista para implantação, as mudanças deixarão o Twitter mais parecido com o Facebook, fato que dividiu os usuários. Enquanto alguns aprovam as alterações, outros demandam que a funcionalidade “presença” possa ser desabilitada quando desejado.

Apesar das críticas dos usuários comuns, as novas funcionalidades podem atrair para a plataforma uma parcela de empresas e empreendedores que desejam melhorar sua presença online e aumentar a interação com o extenso público jovem do Twitter.

Conheça os multiusos do drone

Desde seu surgimento, a tecnologia é utilizada para inovar produtos, facilitar processos e melhorar o dia a dia da sociedade. Ideias como a máquina a vapor, a locomotiva, o telefone, o motor, e mais recentes como o GPS e o smartphone, são exemplos de inovações tecnológicas que mudaram o rumo das civilizações e trouxeram muitas melhorias na vida das pessoas.

A mais recente inovação tecnológica que virou febre ao redor do mundo é o chamado drone. Definido como um veículo aéreo não tripulado e controlado por controle remoto, o drone surgiu como uma alternativa na realização de trabalhos de alto risco para os humanos, ou em locais de difícil acesso.

Logo no seu surgimento, os drones eram utilizados para fins militares, como no reconhecimento de áreas, espionagem e envio de mensagens, mas com o passar dos anos eles tornaram-se populares e ganharam dezenas de outras funções. Hoje, a ampla variedade desses produtos no mercado com vários modelos e preços diferentes possibilitou que o grande público tivesse acesso à essa tecnologia.

Também conhecidos como VANTs (veículos aéreos não tripulados), os drones evoluíram de modelos usados apenas para capturar imagens e gravar vídeos, para veículos mais resistentes e autônomos.  

Dentre as muitas funções que os drones adquiriram atualmente, pode-se citar algumas como:

  • Entrega de encomendas: Empresas como Amazon e Domino’s já usaram drones na entrega de encomendas e pedidos. Visando agilizar os processos, os drones prometem um delivery rápido e eficiente, sem atrasos devido ao trânsito ou outros empecilhos típicos das cidades.
  • Uso na agricultura: Muito úteis no ramo da agricultura, esses robôs por controle remoto podem analisar áreas de grandes dimensões, como os campos de plantio, monitorar sistemas de irrigação e pulverizar substâncias usadas nas lavouras.
  • Operações de salvamento: A facilidade de circulação dos drones é uma vantagem utilizada em resgates e operações de busca. Equipados com sensores de calor e câmeras noturnas, esses veículos conseguem transitar em áreas irregulares ou cenários de destruição e desastres.
  • Monitoramento de vida selvagem: Monitorar bandos, animais selvagens ou com hábitos noturnos são tarefas que os drones conseguem executar. O controle remoto desses dispositivos é ideal para funcionar em situações em que a presença humana não é bem vinda, como no acompanhamento da vida selvagem.
  • Publicidade: Usados em ações de marketing e publicidade, os drones podem fotografar cenários, gravar eventos ou cenas e produzir imagens de ângulos diferentes, despertando a atenção das pessoas e de possíveis clientes.

Com esses diversos usos, o drone já se tornou um grande aliado na vida das pessoas, e como a tecnologia existe para nos auxiliar, qual será a próxima inovação? Para saber das próximas novidades, continue acompanhando nosso blog.